quarta-feira, 13 de julho de 2016

Padre Lombardi, a sua visão eclesial dos acontecimentos


Ao saudar o Padre Lombardi na Sala de Imprensa da Santa Sé no final da manhã desta segunda-feira, o Prefeito da Secretaria para a Comunicação, Mons. Edoardo Viganò, sublinhou dois aspectos da “longa lição” que Padre Lombardi deixa como herança aos novos responsáveis pela Sala de Imprensa. Eis o que disse:
Padre Federico Lombardi nos deixou, como um estilo de sua profissão, a visão eclesial dos acontecimentos: um olhar que sempre uniu as diferentes sensibilidades, as diferentes perspectivas, marcadas também pelas diferentes origens da cultura na Igreja. Porque a Igreja não é uma experiência monolítica, é uma experiência muito diversificada, o Padre Federico sempre buscou fazer este trabalho colocando juntas uma visão da Igreja, que é uma visão ampla, uma visão capaz de manter juntas as diferenças, porque as diferenças não são lugares de inimizade, mas simplesmente o enriquecimento de uma Igreja, que precisamente porque é Igreja, é assim. A segunda grande riqueza de Padre Federico é a de ter vivido aquilo que repetidamente chamou-nos anteriormente o Papa Bento XVI e mais tarde o Papa Francisco, ou seja, uma hermenêutica espiritual da Igreja. A Igreja não é uma parte que escolhe uma posição em vez de outra: a Igreja é católica e não reconhece a ninguém o papel de antagonista. É justamente esta visão, de uma hermenêutica espiritual, que o Padre Lombardi nos ensinou”.
(JE)
Fonte:http://pt.radiovaticana.va/news/2016/07/12/padre_lombardi,_a_sua_vis%C3%A3o_eclesial_dos_acontecimentos/1243602

Nenhum comentário :

Postar um comentário