quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Perdão de Assis: mensagem dos Franciscanos


Perdão de Assis, Mensagem dos Franciscanos
“Que este centenário nos ajude  a experimentar  uma salutar vergonha  porque  se tem a impressão de que ninguém  parece tomar em consideração  colocar paz e concórdia na realidade  conflitual  na qual vivemos de modo a nos fazer crescer  na capacidade criativa de encontrar modos novos  para  cantar um canto  compreensível  para os homens e as mulheres  do nosso tempo: uma provocação eficaz  para construir paz e  reconciliação”:  afirmam-no os quatro ministros gerais da Família Franciscana, (superiores das ordens dos frades menores, frades capuchinhos, frades  conventuais e terceira ordem  regular)  numa carta pastoral difundida por ocasião  do oitavo centenário  do Perdão  de Assis.
 A misericórdia na espiritualidade franciscana
“Em 2016 – recordam os ministros gerais, citados pela agência Fides – coincidem duas datas: o aniversário  da data  tradicional da concessão  da indulgência  da Portiuncula, solicitada por São Francisco, para mandar todos para o paraíso”, e o Jubileu da misericórdia, solicitado por um Papa que traz o nome de Francisco”.  “”Queremos colher a oportunidade desta coincidência de datas que  nos convida a aprofundar o grande tema da misericórdia e  do perdão,  relativamente  à nossa tradição espiritual franciscana”.
  Não separar nunca o amor a Deus e ao próximo.
“Misericórdia – prossegue a mensagem – é uma palavra que agrada a S. Francisco que a utiliza muitas vezes  nos seus Escritos e que a usa, igualmente,  em duas  direcções, que evocam o agir de Deus  misericordioso e o nosso agir com misericórdia para com os irmãos”. “O que importa  - lê-se  por fim na mensagem  - é que não separemos nunca os dois elementos, porque Jesus, no Evangelho, ensina que o primeiro mandamento fala contemporaneamente  do amor de Deus e do próximo, que  não podem ser separados”. (P.A.).
Fonte:http://pt.radiovaticana.va/news/2016/08/03/perd%C3%A3o_de_asssi_mensagem_dos_franciscanos/1249030

Nenhum comentário :

Postar um comentário