domingo, 25 de dezembro de 2016

Papa na Missa do Galo: “deixar as ilusões do efêmero”



Rádio Vaticano (RV) – O Papa Francisco celebrou a Missa de Natal na noite do dia 24 de dezembro na Basílica de São Pedro.
Em sua homilia, o Pontífice refletiu sobre alguns significados da celebração do nascimento do Menino.
“O Menino que nasce interpela-nos: chama-nos a deixar as ilusões do efêmero para ir ao essencial, renunciar às nossas pretensões insaciáveis, abandonar aquela perene insatisfação e a tristeza por algo que sempre nos faltará. Nos fará bem deixar estas coisas, para reencontrar na simplicidade de Deus-Menino a paz, a alegria, o sentido da vida”.
“Manjedouras de dignidade”
Com o olhar voltado ao Menino, Francisco citou as “miseráveis manjedouras de dignidade” em que se encontram muitas crianças, em um “abrigo subterrâneo para escapar aos bombardeamentos, na calçada de uma grande cidade, no fundo de um barco sobrecarregado de migrantes”.
“O Natal tem sobretudo um sabor de esperança, porque, não obstante as nossas trevas, resplandece a luz de Deus. A sua luz gentil não mete medo; enamorado por nós, Deus atrai-nos com a sua ternura, nascendo pobre e frágil no nosso meio, como um de nós”.
“Deixemo-nos tocar pela ternura que salva”, concluiu o Papa.
(rv)
Fonte:http://br.radiovaticana.va/news/2016/12/25/_papa_na_missa_do_galo_%E2%80%9Cdeixar_as_ilus%C3%B5es_do_ef%C3%AAmero%E2%80%9D/1281585

Nenhum comentário :

Postar um comentário