quinta-feira, 18 de maio de 2017

Fátima: “Estar em casa da Mãe é uma sensação inexplicável”


O Papa Francisco encontra-se em Fátima, em peregrinação ao Santuário da Cova da Iria, onde há exactamente cem anos a Virgem Maria apareceu aos três Pastorinhos, Lúcia, Francisco e Jacinta, peregrinação que marcará o ponto mais alto das celebrações do centenário com a canonização, neste sábado (13/05) dos dois irmãos, Francisco e Jacinta Marto.
A África de expressão portuguesa participa massivamente na peregrinação e na celebração, em Fátima, com Papa Francisco. Silvonei José ouviu os depoimentos de alguns peregrinos de Angola, mais de 50 presentes na Esplanada de Fátima, que foram unânimes em exprimir a sua alegria por ser parte deste grande evento, a peregrinação à Cova da Iria, para rezar e pedir graças para si, os filhos e parentes, e para todo o País.
É uma sensação grande estar aqui em Fátima com todos os peregrinos do mundo inteiro e comemorar o centenário das aparições de Nossa Senhora, reconheceu Naíde do Nascimento, uma das peregrinas angolanas.
Ana Mendes, outra peregrina de Angola, sintetizou tudo com estas palavras: “Estar em casa da Mãe é uma sensação inexplicável, é uma emoção tão grande que só quem está aqui pode sentir”.
E de todos uma esperança que o Papa Francisco possa, um dia, visitar Angola.
Fonte:http://pt.radiovaticana.va/news/2017/05/13/f%C3%A1tima_%E2%80%9Cestar_em_casa_da_m%C3%A3e_%C3%A9_uma_sensa%C3%A7%C3%A3o_inexplic%C3%A1vel%E2%80%9D/1311964

Nenhum comentário :

Postar um comentário