segunda-feira, 8 de maio de 2017

Libertadas 82 das meninas nigerianas raptadas em Chibock


82 das cerca de 300 meninas da Escola de Chibok, na Nigéria, raptadas por Boko Haram a 14 de Abril de 2014, foram libertadas sábado 6 de Maio. O anúncio foi dado domingo pelas autoridades nigerianas. Segundo o porta-voz da Presidência da República, o Chefe de Estado nigeriano, Muhamudu Buhari, teve na tarde do domingo 7, um emocionante encontro com essas meninas. E antesd de partir de novo para Londres para curas médicas, deu ordens para que os nomes delas fossem difundidos, o que fizeram nesta segunda-feira, diversos medias locais.
Segundo informações da agência de notícias AP, as 82 meninas foram libertadas em troca da libertação, por parte do Governo nigeriano, de cinco comandantes de Boko Haram.
Alguns pais das meninas libertadas deslocaram-se a Lagos para as acolher, enquanto que outros exprimem ansiedade pelas 113 meninas que ainda permanecem nas mãos de Boko Haram.
O Fundo das Nações Unidas para a Infância – UNICEF – acolheu com favor a libertação das 82 meninas e declarou que depois do choque do rapto e do cativeiro elas terão de enfrentar um “longo e difícil processo de reconstrução da sua vida”. UNICEF declara-se pronto a ajudar as autoridades nigerianas a dar um apoio psicológico completo e outros serviços especializados necessários para esse fim.
O UNICEF convida também Boko Haram a pôr termo a todas as graves violações em relação a crianças, sobretudo raptos, abusos sexuais e matrimónios forçados. Agradece ao Governo da Nigéria por este importante resultado na protecção das crianças atingidas pelo conflito no nordeste da Nigéria, mas exprime forte preocupação pela sorte de milhares de mulheres e crianças ainda detidas por Boko-Haram.
(DA)
Fonte:http://pt.radiovaticana.va/news/2017/05/08/libertadas_82_das_meninas_nigerianas_raptpadas_/1310746

Nenhum comentário :

Postar um comentário